fbpx

O que avaliar na escolha de um livro para a criança?

Para que o momento da leitura seja prazeroso, é importante que alguns fatores sejam pré-avaliados. E um deles – se não o principal – é o livro a ser lido. Cada criança tem um desenvolvimento próprio e também preferências, mesmo quando pouco específicas. Mas algumas dicas sobre como procurar o livro ideal podem ajudar aqueles que desejam tornar esse momento ainda mais especial.

Dica 1: Algumas vezes as imagens valem mais do que mil palavras.

É clichê, mas é a realidade. Vamos começar com os bebês. Para eles, muitas vezes as ilustrações e o material de que é feito o livro são mais interessantes do que a história. Livros de pano, de plástico (para a hora do banho) ou com texturas fazem muito sucesso entre as crianças de até 2 anos. Nessa fase o momento da leitura se mistura com a brincadeira, por isso elas associam os livros a brinquedos.

Dica 2: Ainda sobre as imagens.

Mesmo para as crianças maiores, já habituadas com os textos e que entendem a diferença entre livro e brinquedo, a atenção às imagens se mantém como ponto importante. Elas complementam a história e ajudam na compreensão do texto, além de ampliar a imaginação dos pequenos.

Dica 3: Nem 8 nem 80.

Um livro não precisa ser apenas educativo ou apenas divertido. Ele pode unir os dois mundos. Há sempre algo que possa ser extraído de uma boa história. Algumas são lições que a criança vai levar para a vida toda. Então não busque apenas os livros mais “conceituais”; uma história simples também pode servir como aprendizado. O importante é procurar dialogar com o pequeno durante a leitura.

Dica 4: A criança deve ser mais do que um mero leitor.

Sempre que possível permita que a escolha do livro seja feita pela criança. E procure não influenciar demais com o seu gosto. É comum alguns pais não deixarem crianças maiores escolherem livros com pouco texto, por exemplo. Lembre-se que o importante é a experiência, que, se for positiva, possivelmente vai se tornar a base de um futuro leitor.

Dica 5: Pode parecer bobagem, mas não é.

O formato do livro pode parecer um detalhe insignificante, mas faz toda a diferença. Principalmente se o seu pequeno gosta de ser independente e quer segurar o livro sozinho. Aqui no Reino da Carochinha sempre consideramos o formato de acordo com o tema e a faixa etária para a qual o livro é destinado. O manuseio deve ser simples, divertido e seguro. Junte todas essas dicas com uma boa dose de amor e você fará do momento de leitura um dos preferidos do seu pequeno. Ler é bom, enriquece e engrandece.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba novidades!

Cadastre-se e receba novidades da Carochinha Editora!

Você é educador?

Cadastre-se e acesse aos conteúdos restritos como atividades, projetos pedagógicos, vídeos de educadores, versão PDF do livro, além de descontos especiais para professores!

Fazer cadastro
Open chat