Carochinha Editora | Post
  • Rainha do reino da Carochinha

Valorizar as habilidades de cada criança contribui para a construção da sua autoestima


Crédito da imagem: pressfoto/Freepik

Todos nós temos talentos. Você, com certeza, saber fazer algo muito bem e, provavelmente, por mais que tente, também não consegue fazer algumas coisas tão bem quanto gostaria. Isso é bastante natural e, aos poucos, acaba fazendo parte até mesmo de nossas características pessoais. Quem nunca disse “sou ótimo em matemática, mas não consigo escrever bem uma carta”? Pensando nisso, fica fácil perceber que não é possível dominar todas as áreas do conhecimento e ser ótimo em tudo o que faz. O jeito é destacar as próprias habilidades e reconhecer as habilidades dos outros.

Quando o assunto são as crianças, entretanto, nem sempre o pensamento é esse. Muitas vezes, as crianças são cobradas para terem o melhor resultado em todas as áreas: da natação à matemática. Está comprovado que as crianças têm mais facilidade para aprender e devem ser estimuladas nas mais diferentes áreas. Isso, porém, não significa que ela será capaz de se sobressair em todas as atividades que realiza. Muito provavelmente, assim como você, ela terá um domínio maior sobre algumas áreas e maiores dificuldades em outras áreas.

Mas como avaliar o desempenho da criança nas diferentes áreas quando ela ainda é pequena? O ideal é que, ao longo da infância, a criança seja envolvida em diferentes atividades intelectuais, manuais, físicas e artísticas. Parte de tudo isso é feito dentro da própria escola. É nela que a criança irá ter seu primeiro contato mais formal com a ciência, com a literatura, e também com os trabalhos manuais, as atividades físicas e artísticas. Assim, ao longo do tempo, devem ficar evidentes algumas de suas facilidades e dificuldades. Todas elas devem ser muito bem trabalhadas pelo professor, até para evitar que uma dificuldade pontual seja considerada algo irremediável, perdendo, assim, um grande talento. Além disso, cabe à escola reconhecer as habilidades de cada criança, incentivar e valorizar cada uma delas, demonstrando que todas são igualmente importantes.

Além da escola, a família também tem um papel muito importante. É ela quem tem um convívio mais próximo com a criança e, portanto, deve ajudá-la a reconhecer e a valorizar suas habilidades, além de trabalhar de forma positiva com suas dificuldades. Tudo isso é importante não apenas para o aprendizado da criança, para o seu sucesso escolar e até profissional, mas, acima de tudo, para a construção da autoestima – fundamental para ser feliz.

Biblioteca do Reino

Anita, a abelha

Autora: Katia Canton

Ilustrações: Bruna Assis Brasil

Disponível no site

Na colmeia da abelha-rainha não há lugar para Anita, uma abelhinha que não sabe fazer mel. O que ela faz é uma guloseima diferente… O que será? Enquanto os zangões zombam de Anita, ela conhece a abelha Belade, que lhe diz que nem tudo é o que parece. E quem poderia imaginar que dessa nova amizade sairia uma surpresa tão deliciosa?.

#habilidades #aprendizado #diferenças #valores #convívio

0 visualização

Rua Mirassol 189 ● Vila Clementino

São Paulo ● SP ● 04044-010
+55 11 3476 6616 ● +55 11 3476 6636

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle

Formas de pagamento: Cartão de Crédito (Visa, Mastercard, American Express, Elo, Hipercard, Diners, Discover, Aura, JCB), Boleto Bancário, Pag Seguro e PayPal.

Formas de envio: Correios e Retirada na Sede da Editora

Copyright © Carochinha Editora, 2016. Todos os direitos reservados. Site desenvolvido por Obá Editorial.

Estúdio da Carochinha Produção Editorial Ltda.

Rua Mirassol, 189 ● Vila Clementino ● São Paulo ● SP ● 04044-010  CNPJ: 06.222.172/0001-96