Carochinha Editora | Post
  • Rainha do reino da Carochinha

Como é traduzir um livro infantil?


Traduzir um livro é sempre um desafio. Adaptar expressões, hábitos, lugares e variados elementos que fazem parte de uma história escrita em outro idioma requer conhecimento e uma sensibilidade para se colocar no lugar do leitor.

Com os livros infantis não é diferente. Os profissionais precisam se atentar a questões muito específicas desse universo e sempre considerar se o público final – o pequeno leitor – vai conseguir entender a história sem achá-la maçante ou até mesmo confusa.

Entrevistamos o tradutor Fernando Nuno para falar sobre esse processo e como foi a sua tradução mais recente, o lançamento Gato Preto, Gata Branca.

C. Quais são as preocupações na hora de traduzir um livro infantil?

FN: A adequação da linguagem ao tema e ao leitor, buscando alcançar a mais ampla faixa etária possível, dependendo do tema. Devemos buscar expressões típicas nossas, ao mesmo tempo enriquecendo o vocabulário e as formas de expressão da criança sem tornar o livro 'difícil'.

C. Como você define qual será o “tom” do texto? Você usa as ilustrações como base para isso?

FN: Procuro ser fiel ao tom do original. Se o livro tem humor, tento reproduzir esse humor com expressões nossas, porque geralmente a tradução literal não funciona nesses casos. É importante dizer com palavras nossas o sentimento contido no original; se formos muito literais corremos o risco de perder esse sentimento, que para mim é o mais importante. O texto brasileiro deve combinar com as ilustrações do original, fazendo adaptações quando necessário. Tomo bastante cuidado para fazer essa adequação.

C. Este é o segundo livro da autora Silvia Borando que você traduz. Essa tradução foi mais fácil ou cada livro é um desafio diferente, mesmo sendo do mesmo autor? Por quê?

FN: Cada livro é um livro, tem de ser tratado separadamente na tradução, mesmo sendo do mesmo autor. No caso de Silvia Borando, cada livro não foi mais fácil nem mais difícil, cada livro foi, como você disse, 'um desafio diferente'. Outro caso seria se um livro fosse ligado ao outro, como ocorre nas séries, em que os mesmos personagens vivem situações diferentes em livros distintos. Aí sim é importante manter a continuidade, manter o paralelismo na linguagem e não errar nomes de personagens e locais.

C. É muito comum, durante a leitura com os pais, as crianças perguntarem o significado das palavras. Isso é algo que você leva em consideração na hora de traduzir um livro? Você costuma usar termos de fácil entendimento ou prefere instigar a criança usando termos novos?

FN: Sim, geralmente, dependendo da faixa etária, procuro colocar algumas palavras que possibilitem à criança aprender formas de expressão que ela ainda não conhece. O livro não precisa ficar difícil por isso, e a criança pode criar o hábito da pesquisa, indo além da pergunta aos pais, em faixas etárias mais avançadas.

C. O que você mais gostou na história e acredita que os pais e as crianças vão gostar também?

FN: É um livro importante porque trata com delicadeza e sensibilidade a questão das diferenças de cor, mostrando que tanto o preto como o branco são igualmente importantes. Do que mais gostei foi o fato de que o livro trata isso também com um bocadinho de humor.

Biblioteca do Reino

Gato Preto, Gata Branca

Autoria: Silvia Borando

Ilustrações: Silvia Borando

Tradutor: Fernando Nuno

Disponível no site

O que acontece quando um gato todinho preto, que só sai de dia, e uma gata todinha branca, que só sai de noite, se encontram? O Gato Preto parece querer mostrar seu mundo à Gata Branca. A Gata Branca, por sua vez, também quer mostrar seu mundo ao Gato Preto. Venha descobrir mais sobre essa historinha de amor, opostos e gatinhos!


0 visualização

Rua Mirassol 189 ● Vila Clementino

São Paulo ● SP ● 04044-010
+55 11 3476 6616 ● +55 11 3476 6636

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - White Circle

Formas de pagamento: Cartão de Crédito (Visa, Mastercard, American Express, Elo, Hipercard, Diners, Discover, Aura, JCB), Boleto Bancário, Pag Seguro e PayPal.

Formas de envio: Correios e Retirada na Sede da Editora

Copyright © Carochinha Editora, 2016. Todos os direitos reservados. Site desenvolvido por Obá Editorial.

Estúdio da Carochinha Produção Editorial Ltda.

Rua Mirassol, 189 ● Vila Clementino ● São Paulo ● SP ● 04044-010  CNPJ: 06.222.172/0001-96