Como desenvolver a consciência ambiental nas crianças? | Livros Para Crianças | Loja virtual da Carochinha Editora | Brasil
Posts recentes

Como desenvolver a consciência ambiental nas crianças?

19 Mar 2018

Crédito da imagem: jcomp/Freepik 

 

 

Nunca antes na história do planeta o tema meio ambiente foi tão debatido. As questões relacionadas ao aquecimento global, a drástica redução da biodiversidade e a escassez de água potável são alguns dos diversos problemas que afetam o planeta e, claro, representam uma ameaça à manutenção da vida na Terra.

 

Para quem está nascendo hoje, o desafio é grande: fazer com que o planeta continue sendo um bom lugar para viver – e isso inclui reverter alguns problemas criados pelas gerações passadas e adotar medidas que evitem que eles continuem acontecendo. Para vencer a batalha, porém, nossos pequenos precisam da ajuda de todos, especialmente dos pais e educadores.

 

Embora o desafio seja grande, a tarefa inicial é relativamente simples: saber o que é melhor para o planeta e, a partir disso, adotar hábitos sustentáveis em nosso dia a dia. Para quem se encontra na tarefa de educar, é bom ir adiantando que não há nada que tenha mais resultado que dar o exemplo. Assim, dizer à criança que é preciso jogar lixo no lixo pode ser muito bom; mas adotar essa prática no seu dia a dia certamente será muito melhor. Afinal, boa parte de tudo o que ela faz é baseada naquilo que nós, pais e educadores, mostramos a ela. A seguir, veja algumas dicas que podem ajudar nessa difícil, porém, gratificante tarefa.

 

  • Cultive um jardim, uma horta ou plante uma árvore. Essas atividades proporcionam o contato com a natureza e mostram a sua importância no nosso dia a dia. Além de criar novas áreas verdes para o planeta, pode ser uma bela e prática aula de ciências.

  • Separe materiais para a reciclagem. A separação de materiais é uma prática simples e que ajuda muito o planeta. O maior desafio a vencer é criar esse hábito. Daí a importância dos pais e educadores. São ele quem devem ajudar a criar esse hábito e torná-lo tão natural quanto colocar algo direto no lixo.

  • Cuide dos animais. Não é preciso ter um pet em casa para demonstrar respeito e amor pelos animais. Assim, se nos deparamos com um animalzinho doente na rua ou uma notícia de extinção aparece nos jornais, devemos aproveitar essas situações para tratar com as crianças questões sobre o respeito à vida e o equilíbrio do planeta. A vida do planeta agradece!

  • Compre o necessário. A regra é clara: quanto maior é o consumo, maior é demanda por recursos naturais – muitos deles esgotáveis. Comprar um brinquedo por impulso ou apenas porque é dia de passeio não é uma atitude sustentável e, por mais difícil que pareça, essa ideia precisa ser, aos poucos, transmitida ao seu pequeno. Pode ser difícil no primeiro, segundo ou terceiro pedido negado, mas, como todos os bons hábitos, isso logo tende a ser incorporado e passa a fazer parte da rotina. Lembre-se, porém, que a regra é válida também para você, adulto. Assim, de nada adianta não comprar o brinquedo pedido, mas aproveitar a promoção “imperdível” estampada na vitrine. Então, conte até dez e adote uma postura consciente e sustentável para o planeta – e para o bolso!

 

 

 

Biblioteca do Reino

 

Resgate animal

Autor: Ann Scott

Criação e Ilustrações: Patrick George

Disponível no site

 

Neste livro interativo, você se torna um herói dos animais. Um elefante está em um circo, uma tartaruga está presa em uma rede de pesca...

Vire as páginas transparentes e ajude a resgatá-los! É uma maneira divertida, simples e gentil de introduzir a importância do bem-estar dos animais. Não há palavras neste livro, então você pode escolher as que melhor combinam com o seu jeito de ser herói.

 

 

 

Please reload

Please reload

Arquivo
Siga a Carochinha!
Tags